Os riscos de fumar durante a gravidez para a mãe e o bebê


Os riscos de fumar durante a gravidez para a mãe e o bebê - Action Laser Ctba

Nos últimos 30 anos assistiu-se a uma mudança de hábitos entre as mulheres. Até aos anos 60 fumar era um comportamento quase exclusivo dos homens. Algumas décadas antes era pouco aceito socialmente que uma senhora fumasse. A partir da década de 70 os homens passaram a fumar menos que as mulheres, como consequência a incidência de algumas doenças nas mulheres em decorrência do tabagismo aumentou consideravelmente. O fato da mulher jovem fumar criou um outro problema ainda mais significativo: a mulher que fuma durante a gravidez. Fumar faz mal para a futura mamãe tornando mais propícia a bronquite crônica, sinusite ou a dispepsia, obrigando-a a tomar remédios potencialmente perigosos para o desenvolvimento do feto, reduzindo a sua capacidade física que deve manter-se em alta durante toda a gravidez, em particular no esforço do parto. A nicotina do sangue da mãe passa ao seu bebê e vai provocar alterações conhecidas: quando a mãe fuma acelera os batimentos cardíacos do bebê, o sangue que o alimenta e conduz oxigênio leva alcatão e monóxido de carbono e menos oxigênio, afetando o desenvolvimento psicomotor na criança e a torna mais suscetivel para determinado tipo de limitação ou doença. Além de que, com toda a segurança, as mães fumantes correm maior risco de ter a gravidez interrompida ou um parto precoce. Além dos bebês nascerem com menos peso e que atrasam no crescimento principalmente se as mães fumarem no aleitamento e pode aparecer alergias, eczemas, o cigarro também é responsável por problemas de comportamento nos três primeiros anos de desenvolvimento da criança como agressividade, irritabilidade, inquietação, agitação. E quero deixar uma mensagem dessa matéria: Não só não fume pela sua saúde por quem lhe é mais importante: o seu futuro bebê. Nós da Action Laser trabalhamos há 27 anos com uma técnica canadense 100% natural e indolor de laser acupuntura auricular e sistêmica não só para quem deseja deixar de fumar, mas também para outras drogas, ansiedade, depressão e reeducação alimentar. Nosso Índice é de 80% de sucesso contra tabagismo sem sofrimento, pois oferecemos um período de apoio de 90 dias para não sofrer as reações da síndrome de abstinência causada pela retirada da droga.

Fale com os profissionais da Action Laser

através do whatsapp (41) 99917-8990

oupelo telefone fixo (41) 3232-4982

email: curitiba@actionlaser.com.br

www.facebook.com/ActionLaserCTBA/

Posts em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square